TESTE DE ESTÍMULO DE CORTISOL APÓS INSULINA

Código:

TECRTINSUL

Sinônimo:

Material:

Soro

Volume:

1,0 mL

Método:

Eletroquimioluminescência / Glicose: Enzimatico com Exoquinase

Volume Lab:

1,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

Vide CORTISOL e GLICOSE

36 horas

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Dia

0

5

0

Coleta:

Jejum não necessário; - Punção venosa com cateter e repouso de 20 minutos; - Coletar amostra basal e administrar via endovenosa Insulina regular, na dose de 0,1 U/kg de peso; - Coletar amostras de SORO e PLASMA FLUORETADO nos tempos 20, 40 e 60 minutos ou conforme orientação médica; - Menores de 14 anos devem realizar o exame preferencialmente até as 8 horas da manhã, para que não fiquem muito tempo em jejum; - É necessário informar os nomes dos medicamentos utilizados nos últimos 30 dias, em especial corticóides; - Contra-indicações: este exame não deve ser realizado em indivíduos com antecedentes de convulsão ou doença coronariana. **** Importante **** Volume mínimo de 540 uL

Interpretação:

Uso : investigação de síntese dos esteroides adrenais. Doença de Addison. A prova somente será considerada válida se os níveis de glicose após insulina reduzirem a pelo menos 50% do valor basal ou se a glicose for <40,0 mg/dL.

Referência:

Normal : valores acima de 30,0 ug/dL ou aumento
de 50% em relação ao valor basal.