OSMOLARIDADE - urina

Código:

OSM

Sinônimo:

Osmolalidade

Material:

Urina osmolaridade

Volume:

5,0 mL

Método:

Crioscopia

Volume Lab:

5,0 mL

Rotina:

Resultado em:

Interferentes:

48 horas

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

168

0

Coleta:

Coletar 5,0 mL de urina e enviar refrigerada em tubo de transporte. Obrigatório: Informação de medicamentos Critérios de rejeição: -Amostra com identificação inadequada; -Insuficientes; -Amostra congelada.

Interpretação:

Importante na avaliação do equilíbrio hidroeletrolítico. Usada no acompanhamento de doenças renais, síndrome de secreção inapropriada de hormônio antidiurético (SIADH), diabetes insípidus central ou nefrogênico e na avaliação da desidratação. Sua determinação simultânea com a osmolalidade sérica facilita a interpretação dos resultados. Indicações: Acompanhamento de doenças renais, SIADH, diabetes insipidus e avaliação de desidratação. Interpretação clínica: É um parâmetro para avaliar a capacidade renal de concentração e diluição urinária. No entanto, seu valor depende da quantidade de líquido ingerido, além de sal e proteína. Valores baixos após períodos de restrição hídrica são encontrados no diabetes insipidus. Nefropatias crônicas levam a déficit de concentração urinária, ocasionando osmolalidade urinária baixa. Sugestão de leitura complementar: Loh JA, Verbalis JG. Disorders of water and salt metabolism associated with pituitary disease. Endocrinol Metab Clin N Am. 2008;37:213-34 Rabinstein AA, Bruder N. Management of hyponatremia and volume contraction. Neurocrit Care. 2011;15:354-60.

Referência:

Amostra Isolada: 50 a 1200 mOsm/Kg
Amostra 24 horas: 300 a 900 mOsm/Kg

ATENÇÃO: Alteração do valor de referência a partir
de 06/04/2020.