ATIVADOR DO PLASMINOGÊNIO TECIDUAL

Código:

PLASMINO

Sinônimo:

Antígeno tPA; Ativador Tissular do Plasminogênio

Material:

Plasma citratado EXT

Volume:

2,0 mL

Método:

Enzimaimunoensaio

Volume Lab:

2,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

30 dia(s)

Temperatura:

Congelado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

0

168

Coleta:

Separar o plasma e congelar a amostra logo após a coleta.

Interpretação:

O ativador do plasminogênio tecidual (tPA) é uma protease sérica secretada que converte a proenzima plasminogênio em plasmina. O t-PA e o PAI agem no sistema fibrinolítico, que leva à degradação do coágulo de fibrina em produtos solúveis. Indicação: Avaliação de risco trombótico. Interpretação clínica: Quando há aumento do risco trombótico, por diferentes mecanismos, há liberação de citocinas pró-inflamatórias importantes na indução de alterações fibrinolíticas e pró-coagulantes no sangue, por induzirem uma resposta de fase aguda. Especificamente, ocorre um rápido aumento nos níveis plasmáticos do tPA, que é contrabalanceado pela produção e secreção de PAI-1 pelos hepatócitos, inibindo, assim, a fibrinólise.

Referência:

Inferior ou igual a 10 ng/mL

ATENÇÃO: Alteração do valor de referência a partir
de 26/08/2019.

Valor de referência antigo:
1 a 20 ng/mL