TIREOGLOBULINA COM ÍNDICE DE RECUPERAÇÃO

Código:

TIREO2

Sinônimo:

TG, HTG

Material:

Soro

Volume:

1,0 mL

Método:

Eletroquimioluminescência

Volume Lab:

1,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

Ictéricia (concentrações de bilirrubina acima de 200mg/L), Hemólise (concentrações de hemoglobina acima de 30µL/mL) e Lipemia (concentrações de triglicerídeos acima de 3000mg/dL). Não utilizar plasma com EDTA.

60 horas

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

168

2160

Coleta:

Jejum não necessário. O cliente deve informar os medicamentos em uso, especialmente hormônios tiroidianos e antiarrítmicos. **** Importante **** Volume mínimo de 570 uL

Interpretação:

Uso: avaliação e acompanhamento de carcinomas; monitoramento do tratamento de pacientes tireoidectomizados. A tireoglobulina é uma glicoproteína produzida pelas células acinares tireoidianas, sendo o principal componente do colóide dos folículos tireoidianos. Valores aumentados: tumor papilífero, tumor folicular, tireoidites autoimunes, doença de Graves. Após tireoidectomia total, valores menores que 6 ng/mL são indicativos de ausência de tecido remanescente. É importante fazer a determinação dos anticorpos anti tireoglobulina juntamente com a dosagem da Tireoglobulina . Caso sejam positivos , falseiam o resultado da Tireoglobulina sérica e este exame está contra indicado.

Referência:

Normais: 1,4 a 78,0 ng/mL

Índice de Recuperação:
Um resultado de 70 a 130% indica uma recuperação
adequada.