METIL ETIL CETONA URINÁRIA PÓS JORNADA

Código:

MEEC

Sinônimo:

Material:

Urinas cetonas pós jornada

Volume:

5,0 ml

Método:

Cromatografia Gasosa

Volume Lab:

5,0 ml

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

4 dia(s)

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

120

0

Coleta:

Coletar urina de final de jornada de trabalho ou aleatória em frasco de coleta de urina limpo e sem aditivo. Após a coleta manter o frasco bem fechado e refrigerado. Enviar a amostra em tubo de transporte

Interpretação:

Pode causar efeitos tóxicos quando inalado e ingerido, além de poder causar irritações e lesões quando em contato com a pele. Sinônimos: 2- butanona, etilmetilcetona. Indicações: Avaliação de exposição à metil-etil-cetona, MEK Interpretação clínica: Níveis acima do Índice Biológico Máximo Permitido (IBMP) são compatíveis com sinais d eintoxicação. Sugestão de leitura complementar: Solvente: Metil etil cetona - MEK. Disponível em http://www.quimicacredie.com.br/produtos/solventes/Metil%20Etil%20Cetona%20-%20MEK.pdf, consulta em 19 de janeiro de 2014. Methyl ethyl ketone - Identification, toxicity, use, water pollution potential, ecological toxicity and regulatory information. Disponível em http://www.pesticideinfo.org/Detail_Chemical.jsp?Rec_Id=PC34945, consulta em 19 de janeiro de 2014.

Referência:

I.B.M.P : 2,00 mg/L

Metodologia desenvolvida e validada pelo laborató-
rio de acordo com a RDC 302 de 13/10/2005, Art.
5.5.5.1.