METANOL URINÁRIO PRÉ JORNADA

Código:

METPRE

Sinônimo:

Álcool metilico (metanol)

Material:

Urina álcoois pré jornada

Volume:

5,0 mL

Método:

Cromatografia Gasosa

Volume Lab:

20,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

3 dia(s)

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

168

336

Coleta:

Coletar urina de pré jornada de trabalho em frasco de coleta de urina limpo e sem aditivo. Após a coleta manter o frasco bem fechado e refrigerado. Enviar a amostra refrigerada para o laboratório. Realizar uma aliquota em tubo transporte.

Interpretação:

É usado como indicador biológico da exposição ao próprio metanol, que é muito mais tóxico que o etanol e é convertido a formaldeído e ácido fórmico. Indicação: avaliação da intoxicação por metanol (através de combustíveis, solventes, tintas, resinas, corantes, etc.). Interpretação clínica: Valores acima do Índice Biológico Máximo Permitido (IBMP) indicma risco de intoxicação. Pode ser dosado no sangue ou na urina a critério médico, e sua excreção urinária apresenta boa correlação com a concentração no sangue. Sugestão de leitura complementar: Manuchehri AA, Alijanpour E, Daghmechi M, Ghaeminan N, Abedi SH, Nikbakhsh N, Ghazi Mir Saeed SA, Amani N. A case of methanol poisoning leading to prolonged respirator dependency with consequent blindness and irreversible brain damage. Caspian J Intern Med 2015;6(3):180-3. Zakharov S, Navratil T, Salek T, Kurcova I, Pelclova D. Fluctuations in serum ethanol concentration in the treatment of acute methanol poisoning: a prospective study of 21 patients. Biomed Pap Med Fac Univ Palacky Olomouc Czech Repub. 2015, in press.

Referência:

VR*: até 5,0 mg/L.
IBMP**: até 15,0 mg/L.
*Valor de Referência para pacientes expostos.
**Índice Biológico Máximo Permitido (NR-7).

Metodologia desenvolvida e validada pelo laborató-
rio de acordo com a RDC 302 de 13/10/2005, Art.
5.5.5.1.