FENITOÍNA

Código:

FENOT

Sinônimo:

Hidantoína, Difenilhidantoína

Material:

Soro TOX

Volume:

1,0 mL

Método:

Imunoensaio de inibição turbidimétrico melhorado de partículas homogêneas (PETINIA)

Volume Lab:

1,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

2 dia(s)

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

24

48

0

Coleta:

********* Importante ********* Volume mínimo 1000uL Jejum não necessário. Colher antes de uma das tomadas do medicamento (2 h antes) ou conforme orientação médica. Hemólise e lipemia podem atuar como interferentes. Amostra deve ser refrigerada após a coleta. Critérios derejeição: -Amostra sem identificação; -Amostra inadequada (hemólise ou lipemia); -Tubo de coleta danificado; -Amostra coagulada; -Contaminação evidente na amostra.

Interpretação:

Exame útil para a monitoração quando do uso da medicação anticonvulsivante. Indicações: Monitoração de níveis terapêuticos e toxicidade da droga. Interpretação clínica: Resultados dentro do nível terapêutico indicam dose suficiente da medicação Sugestão de leitura complementar: ANVISA. Fármacos utilizados no sistema nervoso central . Fenitoina. Disponível em http://www.anvisa.gov.br/divulga/public/livro_eletronico/snc.html. Acesso em 24 de dezembro de 2014. Del Negro AD, Dantas CR, Zanardi V et al. Relação dose-dependente do uso crônico de fenitoina e atrofia cerebelar em pacientes com epilepsia. Arq Neuropsiquiatr 2000; 58(2):276-81 .

Referência:

Niveis terapêuticos :10,0 a 20,0 ug/mL