BCL1/IGH t(11;14) (região MCL2) - screening

Código:

BCL1SC

Sinônimo:

Material:

Sangue EDTA EXT

Volume:

5,0 ml

Método:

Reação em Cadeia da Polimerase-Tempo Real

Volume Lab:

Rotina:

Resultado em:

Interferentes:

25 dia(s)

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Dia

Dia

Dia

7

150

180

Coleta:

Jejum não necessário. Envio tubo sangue total com EDTA É recomendado o envio da cópia do Pedido Médico, Questionário com a história clínica do paciente e, caso a tenha, cópia do estudo molecular familiar no qual tenha sido detectada a mutação.

Interpretação:

O objetivo deste exame é o diagnostico diferencial entre Linfoma do manto e outras linfoproliferações B de células pequenas (LF, LLC), a caracterização das formas agressivas do LM (LM blastóide e pleomórfico), ou das variantes morfológicas que simulam focos de zona marginal. Estadiamento da doença. Moitoração terapêutica (doença residual mínima). Observação quanto a sensibilidade do teste: Enquanto um resultado positivo indica a presença de Linfoma de Manto, devido a estrutura molecular da t(11;14), o método de PCR (ponto de quebra mcl, é capaz de detectar somente 50% dos casos de translocação, em que esta ocorreu em outra parte do gene. Um resultado negativo não exclui a presença de t(11;14). Sugestão de leitura complementar: Mantle cell lymphoma: presenting features, response to therapy, and prognostic factors. Bosch F, López-Guillermo A, Campo E, Ribera JM, Conde E, Piris MA, Vallespí T, Woessner S, Montserrat E Cancer. 1998 ; 82 (3) : 567-575. Genes and chromosomes in chronic B-cell leukemia.Crossen PE Cancer genetics and cytogenetics. 1997 ; 94 (1) : 44-51.

Referência: