ANTICORPOS IgG ANTI CÉLULAS ENDOTELIAIS

Código:

ENDOT

Sinônimo:

Material:

Soro congelado EXT

Volume:

2,0 mL

Método:

Imunofluorescêcia Indireta

Volume Lab:

2,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

15 dia(s)

Temperatura:

Congelado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

0

0

Coleta:

Coletar sangue total sem anticoagulante, separar o soro e refrigerar.

Interpretação:

Anticorpos dirigidos contra componentes antigênicos presentes na superfície de células endoteliais têm sido fortemente implicados na patogênese das vasculites. Estes anticorpos desencadeiam lise de células endoteliais em cultura mediada por complemento somente após estímulo com IL-1 ou TNF, que são capazes de induzir a expressão de antígenos na superfície celular. No entanto, ainda não foi comprovado se estes anticorpos constituem apenas epifenômenos ou se são capazes de iniciar e perpetuar processos inflamatórios vasculares. Indicação: Na distinção da doença de Kawasaki precoce das enfermidades febrís. Interpretação clínica: Aproximadamente 60% dos pacientes com doença de Kawasaki apresenta anticorpos circulantes IgM contra células endoteliais. Sugestão de leitura complementar: van der Woude FJ, van Es LA. Pathogenesis of angeitis. In: Davison AM, Cameron JW, Grünfeld JP, Kerr DNS, Ritz E, Winearls CG. Eds. Oxford Clinical Nephrology, 2nd ed. New York: Oxford University Press; 1998. p. 845-858. Jennette JC, Falk RJ. Pathogenesis of the vascular and glomerular damage in ANCA-positive vasculitis. Nephrol Dial Transplant 1998; 13:16-20.

Referência:

Negativo: Título inferior a 1/20