ANTICORPOS ANTI-TIROSINA FOSFATASE

Código:

IA2

Sinônimo:

Anti tirosina fosfatase ICA 512.

Material:

Soro RIA

Volume:

2,0 mL

Método:

Ensaio Imunoenzimático

Volume Lab:

2,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

08 dia(s)

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

24

168

0

Coleta:

Coletar em tubo sem anticoagulante, separar o soro e refrigerar.

Interpretação:

A identificação de auto-anticorpos contra antígenos potencialmente implicados na patogênese do diabetes tipo I (DMI) tem sido utilizada em seu estudo preditivo. Vários anticorpos são utilizados, entre eles o anti-tirosina fosfatase (IA2) que detecta anticorpos contra uma proteína da família da fosfatase tirosina, um grupo de enzimas relacionadas à função de receptor e de sinalização intracelular nas células das ilhotas. Tem relação com a rápida progressão da doença e é o anticorpo com maior valor preditivo para progressão para DMI em pacientes com síndrome poliendócrina autoimune (APS). Este tem, recentemente, substituído o anti ilhotas (ICA). Indicações: Diagnóstico da etiologia auto-imune do diabetes tipo 1, hiperglicemia transitória da infância, predição do diabetes mellitus tipo 1 em pessoas de alto risco para o desenvolvimento da doença: parentes em primeiro grau, gêmeos monozigóticos discordantes e portadores de outras doenças auto-imunes, indicador de futura insulino-dependência em diabetes gestacional e diabetes tipo 2, diagnóstico de recorrência de insulite auto-imune em diabéticos transplantados pancreáticos e monitoração durante o curso de imunoterapia. Interpretação clínica: É encontrado em 48% a 80% dos pacientes com diagnóstico recente de diabetes tipo I. O resto dos parentes com anti IA-2 positivo desenvolverem diabetes é de 40 a 80% em 5 anos. Sugestão de leitura complementar: Bingley PJ. Clinical applications of diabetes antibody testing. J Clin endocrinol Metab 2010; 95: 25-33. Sacks D et al. Guidelines and recommendations for laboratory analysis in the diagnosis and management of diabetes mellitus. Clin Chem 2002, 48:436-72

Referência:

Negativo: Menor que 8 IU/mL
Inconclusivo: 8,0 a 9,9 IU/mL
Positivo: Maior ou igual a 10 IU/mL