ALBUMINA LíQUIDO ASCíTICO

Código:

ALBULA

Sinônimo:

Material:

Liquido ascitico

Volume:

1,0 mL

Método:

Colorimétrico

Volume Lab:

1,0 mL

Rotina:

Diária

Resultado em:

Interferentes:

12 horas

Temperatura:

Refrigerado

Estabilidade da amostra:

Ambiente

Refrigerado

Freezer

Hora

Hora

Hora

0

96

720

Coleta:

Coleta realizada por procedimento médico. Enviar o material sob refrigeração (2ºC a 8ºC).

Interpretação:

A determinação de albumina nos líquidos cavitários permite o diagnóstico diferencial entre transudatos e exsudatos, sendo vantajosa sobre a determinação da proteína total. Indicações: Comparação de albumina em líquidos com albumina sérica. Interpretação clínica: No derrame pleural exsudativo o gradiente de albumina plasma/liquido é inferior a 1,2 g/dL. A albumina normal no líquido peritoneal é superior a 3,5 g/dL. Na ascite moderada a albumina está entre 2,8 e 3,5 e na ascite grave inferior a 2,8 g/dL; o gradiente de albumina soro/ascite igual ou maior do que 1,1 g/dL, principalmente se a albumina sérica estiver acima de 3,0 g/dL tem favorece o diagnóstico de ascite causada por hipertensão portal da de outras causas. Sugestão de leitura complementar: Uddin MS, Hoque MI, Islam MB, Uddin MK, Haq, Mondol G, Tariquzzaman M. Serum-ascites albumin gradient in differential diagnosis of ascites. Mymensingh Med J 2013;22(4):748-54. Roth BJ, O'Meara TF, Cragun WH. The serum-effusion albumin gradient in the evaluation of pleural effusions. Chest. 1990 Sep;98(3):546-9.

Referência:

Resultado utilizado para cálculo comparativo com
Albumina no soro.
Avaliação a critério médico.